Inovação

Aprendizagem, conhecimento e inovação estão no centro da estratégia da CRITICAL Software, com impacto nas actividades realizadas no dia-a-dia. Impulsionado pelo desejo de trazer novas tecnologias, produtos e serviços ao mercado, bem como pelo fornecimento de valor acrescentado aos nossos clientes, o investimento em I&D ascende normalmente a 10% do volume de negócios da empresa, o que demonstra o nosso contínuo compromisso com a investigação aplicada e a inovação. Se quiser de discutir uma ideia, um novo produto, um serviço, uma tecnologia ou uma proposta de negócio, por favor, entre em contacto connosco via innovation@criticalsoftware.com


Projetos I&D

O foco da CRITICAL Software está na transformação dos conhecimentos e pensamentos em produtos e serviços que oferecem valor real aos nossos clientes. I&D e inovação são uma parte fundamental da nossa cultura, muitas vezes levada a cabo com parceiros académicos, centros de investigação e indústrias técnicas, bem como através de iniciativas conjuntas com os clientes.


ESP

O projecto ESP propõe desenvolver um sistema que visa o desenvolvimento de uma solução tecnológica que permita recolher dados clínicos estruturados em regiões geograficamente dispersas, em países em desenvolvimento, utilizando um aparelho móvel ou smartphones, mesmo em zonas sem cobertura de rede, e relacioná-los com os dados de observação da Terra, recolhidos por satélite. Para saber mais sobre o projeto, aceda a: www.criticalsoftware.com/pt/esp.


iASSET

O projecto iASSET propõe desenvolver um sistema que visa dotar as utilities (empresas de produção, transporte e distribuição de energia e água) de uma ferramenta que lhes permita ter um maior e melhor conhecimento da condição real dos seus ativos, de modo a estabelecerem políticas integradas de gestão de ativos com base na confiabilidade e riscos associados aos mesmos. Para saber mais sobre o projeto, aceda a: www.criticalsoftware.com/pt/iasset.


Emergency Mobile Mesh

O projeto Emergency Mobile Mesh (EMM) é um protocolo de comunicação que permite intercomunicação entre utilizadores de redes de emergências, de segurança ou de defesa. O EMM também pode ser visto como um protocolo de troca de informação que permite ter uma percepção partilhada da informação, ajudando no sucesso da missão. De forma a validar o EMM, construiu-se um demonstrador que utilizou ambos os protocolos num caso típico de apoio a operações de emergência. O EMM pode ser incluído na área dos sistemas de informação e comunicação em sistemas críticos, permitindo diversas utilizações em áreas como a proteção civil, a segurança e a defesa. Para saber mais sobre o projeto, aceda a: www.criticalsoftware.com/pt/emm.


SEAGULL

O projeto Seagull tem por objetivo investigar e desenvolver sistemas inteligentes associados com veículos autónomos não tripulados (UAVs), que podem contribuir significativamente para a geração de conhecimento situacional marítimo. Estes sistemas irão abordar questões tais como: deteção, identificação e rastreamento de alvos, reconhecendo padrões de comportamento e planeando, comandando e controlando missões de colaboração com vários veículos autónomos. O projeto será liderado pela CRITICAL Software, em coordenação com a Força Aérea Portuguesa, a Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade do Porto e os conhecimentos em informática e visão robô do ISR/IST de Lisboa. A Marinha Portuguesa também fará parte do consórcio, como principal beneficiário dos conhecimentos adquiridos por meio do projeto. Para saber mais sobre o projeto, aceda a: www.criticalsoftware.com/pt/seagull.


GIRE

O projeto GIRE – Gestão Integrada de Recursos Energéticos – visa o desenvolvimento de mecanismos de suporte à decisão multicritério com base na integração de sistemas de gestão de edifícios inteligentes, gestão de contratos de energia e de gestão da geração, permitindo ter uma visão global de todos os recursos energéticos nas suas diversas vertentes e identificar diversas soluções possíveis para a otimização da sua utilização, assim como para a redução dos custos associados com o seu consumo. Para saber mais sobre o projeto, aceda a: www.criticalsoftware.com/pt/gire.


DEPLOY

O projeto DEPLOY faz grandes avanços em métodos de engenharia para sistemas fiáveis através da implantação dos métodos de engenharia formais. A implantação industrial de métodos formais não tem, tradicionalmente, atingido o seu potencial, porque muitas ferramentas de engenharia não funcionam bem em escala, não lidam bem com os requisitos de evolução e não se encaixam bem com as práticas de engenharia existentes para sistemas fiáveis. A DEPLOY foca-se em problemas de implantação industrial, incluindo fiabilidade, escalabilidade e capacidade de evolução, usando grandes implantações simultâneas em cinco grandes indústrias: aeroespacial, automotiva, informação de negócios, design de chips e de cartões inteligentes, e transporte.


ADVANCE

Este projeto centra-se em Design Avançado e Ambiente de Verificação para Engenharia de Sistemas Cyber-física (ADVANCE). O objetivo é desenvolver uma estrutura unificada para a verificação formal automatizada e validação com base em simulação de sistemas ciber-físicos. As ligações da CRITICAL Software à indústria, em particular, com o setor energético, juntamente com a nossa experiência no fornecimento de soluções para a missão e negócio de sistemas de informação crítica não só serão utilizados para implementar o método de engenharia avançado num case study real mas também para fornecer os requisitos para o desenvolvimento do conjunto de ferramentas.


VICS-FM

VICS-FM (Verification and Integration of Closed Systems through Formal Methods) é uma prova de conceito para verificar formalmente a integração e funcionalidade dos sistemas fechados, em particular nos produtos Commercial off the Shelf (COTS).

A abordagem reúne a linguagem formal Event-B, teoria da prova matemática e o conjunto de ferramentas Rodin e fornece o mecanismo para a criação de modelos abstratos de sistemas COTS e, em seguida, a verificação das propriedades desses sistemas em relação aos requisitos operacionais. Os modelos formais podem ser reutilizados em diferentes cenários militares. A abordagem proposta representa uma mudança na utilização e integração bem-sucedida de produtos COTS, usando Métodos Formais para garantir a sua integração e funcionalidade. Os resultados da VICS-FM proporcionam uma solução que irá aumentar o nível de confiança em sistemas complexos ou nas soluções que contêm sistemas COTS. Além disso, vai apoiar a produção de casos de segurança, através do fornecimento das provas formais da correção de um sistema.


MELODIES

Este projeto irá desenvolver oito novos serviços inovadores e sustentáveis, utilizando Open Data, para os utilizadores em investigação, governo, indústria e público. Uma ampla gama de áreas sociais estão cobertas, incluindo agricultura, ecossistemas urbanos, gestão do uso da terra, informação marítima, desertificação, gestão de crises e hidrologia.


CONCERTO

O projeto CONCERTO visa proporcionar um quadro arquitetónico multi-domínio para sistemas complexos, altamente concorrentes e multi-core, onde serão estabelecidas propriedades não-funcionais (incluindo em tempo real, fiabilidade e gestão de energia) para os componentes individuais, derivados para o sistema global em tempo de design e preservados pela construção e monitorização em tempo de execução.


ICCM

O projeto ICCM visa desenvolver e validar uma solução de software inovadora para um sistema de monitorização de controlo e de condição integrada para unidades de energia renovável em offshore. Monitorizando os parâmetros de utilização, integridade da saúde estrutural, operacionais e de saída, irá fornecer a base para Condition-Based Maintenance (CBM) e um desempenho otimizado.


FEED

O projeto FEED visa desenvolver e fornecer uma plataforma web para monitorizar a produção de energia renovável, centrada em micro e mini-geração. A plataforma FEED será construída com base em csEMS (Sistema de Gestão de Energia da CRITICAL Software), que irá apoiar o acesso a novos mercados e clientes. Para saber mais sobre o projeto, aceda a: www.criticalsoftware.com/pt/feed.


ForTE360º - 360º FORecasting for TELecommunications

O projeto ForTE360º visa desenvolver um sistema de software inovador centrado na previsão, com elevado valor comercial para as operadoras de telecomunicações em todo o mundo. Aproveitando-se da disponibilidade de terabytes de dados das empresas de telecomunicações, o ForTE360º aborda um dos problemas de "big data" que essas empresas enfrentam, fornecendo a capacidade de produzir previsões precisas do comportamento normal e de pico dos diferentes componentes.


MOBI.EUROPE

O projeto MOBI.Europe visa promover e garantir a plena integração e interoperabilidade de uma núvem de aplicações TIC associadas aos serviços de eletro-mobilidade que foram desenvolvidos e estão em vias de ser testados. O MOBI.Europe é construído em iniciativas de eletro-mobilidade de Portugal, Irlanda, Espanha e da cidade de Amesterdão. O projeto será capaz de fornecer soluções completas e inovadoras para promover uma maior eletro-mobilidade entre os cidadãos europeus.


CECRIS

O projeto visa dar um passo em frente na crescente área de desenvolvimento, verificação, validação e certificação de sistemas críticos. O projeto incide sobre os pontos mais difíceis/importantes de (segurança, eficiência, negócios, etc.) de desenvolvimento, verificação, validação e processo de certificação do sistema crítico. Os objetivos científicos do projeto são estudar tanto o estado científico como industrial das metodologias de arte para o desenvolvimento do sistema e o impacto do seu uso na verificação, validação e certificação de sistemas críticos. Além disso, o projeto visa desenvolver estratégias e técnicas apoiadas por ferramentas automáticas ou semi-automáticas e métodos para tais atividades, cujos alcances custo-qualidade são altamente previsíveis, a fim de amarrar os custos de aplicação de técnicas aos atributos RAMS de nível alcançado pelo produto a ser testado. O projeto irá elaborar orientações para apoiar engenheiros durante o planeamento das fases de verificação e validação.


mobiOS

O projeto mobiOS visa proporcionar uma plataforma de serviços partilhados que seja capaz de integrar facilmente as soluções de TI existentes, lidar com diferentes tipos de sistemas, soluções de software ou de hardware, aumentando a capacidade de criar um ecossistema de soluções de TI para a mobilidade. Adicionalmente, através da remoção das barreiras tecnológicas será possível promover a entrada de novos players no setor e melhorar a criação de novos modelos de negócio. Para saber mais sobre o projeto, aceda a: www.criticalsoftware.com/pt/mobios.


BLUE EYE

O projeto BlueEye visa investigar e desenvolver uma tecnologia que irá aumentar a eficiência e eficácia nas operações de segurança marítima e de proteção e segurança ambiental. O projeto será liderado pela CRITICAL Software e contará com a experiência operacional da Marinha Portuguesa e conhecimentos científicos da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto. Para saber mais sobre do projeto, aceda a: http://oversee-solutions.com/


MaSSGP

O projeto MaSSGP visa desenvolver um sistema de Programação Genética (GP) que melhora os métodos mais avançados para problemas de classificação e regressão, para integrar o sistema numa ferramenta de apoio à decisão da indústria e usar o sistema para gerar modelos novos e perspicazes para aplicações de segurança marítima e de proteção e segurança ambiental.


MOBICARINFO

MOBICAR Info é um sub-projeto da TICE Mobilidade (PPS#9) e tem como objetivo desenvolver um sistema de informação e entretenimento para o veículo MOBICAR, um protótipo de veículo elétrico Português atualmente em desenvolvimento. Com esta solução, construída usando a plataforma Visteon InVehicle Infotainment, o utilizador será capaz de monitorizar a carga da bateria e procurar e reservar uma estação de carregamento da rede Mobi.e mais próxima. Para saber mais sobre o projeto, aceda a: http://tice.mobilidade.ipn.pt


EMM - Energy Mobile Mesh

O projeto EMM propõe um sistema de apoio para as operações de emergência, com potenciais clientes no Brasil, Reino Unido e Alemanha, e outros países. O Exército Português é outro parceiro. Este projeto envolve o desenvolvimento de um protótipo, utilizando dois suportes típicos para protocolos de operações de emergência: um protocolo de comunicações que permite a comunicação entre operadores de emergência, de segurança ou de defesa e um protocolo de troca de dados que permite a análise de contexto partilhado (um ativo aquando da realização de tarefas que são atribuídas a estes operadores).


SIGEDI

O objetivo do projeto SIGEDI era desenvolver uma nova maneira de fornecer informações para Edifícios Inteligentes, proporcionando a comunicação subjacente, recolhimento e mecanismo de atuação para gestão eficiente. O uso de sensores sem fios de baixo custo tornou esta tecnologia económica e forneceu uma alternativa válida às opções de cablagens mais tradicionais. Para saber mais sobre o projeto, aceda a: www.sigedi.org


NEMO & CODED

O objetivo do projeto NEMO & CODED era representar uma iniciativa ITEA2 e direcionar a definição e desenvolvimento de uma infra-estrutura baseada em web para monitorizar e gerir os dispositivos relacionados com a energia, tendo em consideração a geração de energia (incluindo a geração com base em fontes de renováveis), distribuição e consumo.

Para saber mais sobre o projeto, aceda a: http://innovationenergy.org/nemocoded/


CESAR

O objetivo do projeto CESAR era apresentar significativas inovações em disciplinas improváveis da engenharia de sistemas, tais como: engenharia de requisitos e engenharia baseada em componentes, aplicadas à exploração de design de espaço compreendendo compromissos de arquitetura multi-view, multi-critérios e multinível.

Para saber mais sobre o projeto, aceda a: http://www.cesarproject.eu/


csSECURE

O objetivo do projeto csSECURE era criar uma solução para proteção de informações enfocada em dados não estruturados, com base numa metodologia de segurança da informação sustentada pelo modo de operação MultiLevel. O csSECURE II foi desenvolvido conjuntamente pela CRITICAL Software, SA (líder do consórcio) e a Universidade do Minho, com o objetivo de apoiar a expansão sustentada da capacidade de inovação, incentivando a cooperação entre Instituições de I&D e empresas na área de segurança de computação.


EMMON

O objetivo do projeto Emmon era desenvolver um protótipo funcional para a monitorização em tempo real de cenários naturais específicos, tais como a qualidade de vida urbana, o ambiente da floresta e proteção civil, utilizando dispositivos de Rede de Sensores Sem Fio (RSSF). O projeto foi uma iniciativa de colaboração no âmbito do 7º Programa Quadro da Comissão Europeia e evoluiu a partir de uma parceria entre a CRITICAL Software, SA e outras oito organizações, tanto empresariais como académicas: Instituto Superior de Engenharia do Porto, Intesys, Centro de Estudios e Investigaciones Tecnicas de Gipuzkoa, CRITICAL Software Technologies, Trinity College Dublin, Aristotle University of Thessaloniki, SESM S.c.a.r.l. e AKTING Ingeniaritza S.L.

Para saber mais sobre o projeto, aceda a: http://www.artemis-emmon.eu/


AMBER Itest

O objetivo do projeto AMBER iTest era desenvolver um conjunto de ferramentas e técnicas para automatizar testes baseados em especificações GUI, solucionando as deficiências encontradas em trabalhos anteriores e mostrar a aplicabilidade da abordagem em ambientes industriais.

Para saber mais sobre o projeto, aceda a: http://paginas.fe.up.pt/~apaiva/AMBERiTest/AMBERiTest.htm


Mala Segura

O objetivo do projeto Mala Segura era permitir a localização e rastreabilidade de bagagem por um sistema de informação integrado. O sistema era à prova de falsificação, em conformidade com as normas internacionais e incorporava novas tecnologias. Foram realizados testes-piloto em aeroportos portugueses, onde os esforços para reduzir as taxas de mau trato das bagagens forneciam um bom ambiente para a validação da solução proposta.

Para saber mais sobre o projeto, aceda a: http://www.mala-segura.com/


PULSE

O objetivo do projeto PULSE era desenvolver um produto disruptivo de negócio inteligente em tempo real, FeedZai Press. O produto gerava informações de negócios atualizadas continuamente, o que permitiu que os tomadores de decisão monitorizassem as suas empresas, reagissem a novas informações em tempo real e, em última instância, maximizassem o potencial dos seus negócios.


INTELLIshm

O objetivo do projeto IntelliSHM era desenvolver um sistema SHM integrado, com um número reduzido de sensores, soluções integradas, ótima localização de sensores, deteção de falhas em sensores por métodos multi-escala e ferramentas melhoradas de diagnóstico e prognóstico. Incluiu o desenvolvimento de um pacote de software para a concepção de painéis compostos de sensores para deteção fiável de impactos. A abordagem proposta foi baseada na customização da tecnologia proprietária VS2TM, para desenvolver capacidades avançadas de diagnósticos e prognósticos.


SAFER

O objetivo do projeto SAFER era preparar-se para a implementação operacional do Serviço Central de Resposta de Emergência (ERCS), com base nas recomendações do Grupo de Implementação e apoiada pelos resultados de projetos anteriores (PREVIEW, RISK-EOS, RESPOND, TERRAFIRMA, LIMES e BOSS4GMES), quer com a continuidade da parceria do núcleo como com uma extensão da cobertura geográfica, integrando as capacidades existentes a nível europeu.


pSHIELD

O projeto pSHIELD visa tratar da segurança, privacidade e fiabilidade (SPD) no contexto de Sistemas Integrados (ES) para serem funcionalidades "construídas em" em vez de "adicionadas a", propondo e configurando o primeiro passo para a certificação SPD para os futuros ES.


EVOLVE

O objetivo do projeto EVOLVE (Validação Evolucionária, Verificação e Certificação) foi a criação de uma estrutura metodológica para a verificação inicial e validação de produtos evolutivos através da integração certificada/credenciada de cada interação e/ou componente num contexto de Model Driven Engineering (MDE). O projeto foi desenvolvido pelo líder do consórcio, a CRITICAL Software e a Universidade do Minho, com a intenção de desenvolver de forma sustentável a inovação através da cooperação entre instituições de I&D e empresas indicadas para Sistemas Integrados.

Para saber mais sobre o projeto, aceda a: http://www.evolve-itea.org/public/news.php


MAGES

O projeto MAGES visou desenvolver um sistema de software para demonstrar as vantagens da utilização de GIS, GPS e tecnologias EGNOS na gestão das atividades de combate a incêndios florestais. Para atender aos objetivos do projeto, a CRITICAL Software estabeleceu parcerias com a Aliança Florestal e a AFOCELCA para implementar uma Plataforma de Comando e Controlo que foi testada em dois cenários de simulação de incêndio florestal.


SPACE AQUA

O objetivo do projeto SPACE AQUA (Estrutura de Qualificação Automatizada para componentes COTS utilizados em Aplicações Espaciais) foi desenvolver uma plataforma de Qualificação de Espaço de Software Automatizado num ambiente integrado para a qualificação e certificação de aplicativos de software para a indústria aeroespacial. Os primeiros contactos foram feitos entre a CRITICAL Software, atuando como líder, o centro da NASA IVV, a Universidade de Coimbra e a Universidade de West Virginia.


SARAe

O projeto SARAe visou apoiar as necessidades técnicas e operacionais de atividades ocupacionais abrangidas pela Directiva 2004/35/CE, de 21 de abril, ELD (Diretiva de Responsabilidade Ambiental) de uma forma eficiente e flexível. Este projeto foi co-promovido pela CRITICAL Software e pela E.Value.

Para saber mais sobre o projeto, aceda a: http://www.sara-eld.com/


ITEV

O projeto ITEV resultou da colaboração com o Programa de Mobilidade Nacional Português (MOBI.E), com o objetivo de investigar e desenvolver um sistema integrado e inteligente de carregamento de veículos elétricos (EV), cobrindo a interface entre o EV e a rede inteligente, bem como a gestão inteligente de todos os componentes do sistema. Foi desenvolvido pela CRITICAL Software, EFACEC (líder do consórcio), INTELI, CEIIA e Novabase.


P-FOUND

O projeto P-FOUND teve como objetivo promover a investigação científica e tecnológica e o desenvolvimento de protótipos na computação, armazenamento e distribuição de dados e a simulação do dobramento e desdobramento de proteínas. O projeto foi desenvolvido pela CRITICAL Software, o Centro de Neurociências e Biologia Celular, da Universidade do Ulster, Faculdade de Ciências Biomédicas, a Universidade do Minho e a Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra.


PREMFIRE

O projeto PREMFIRE (Plataforma Genérica de Gestão de Emergências) teve como objetivo proporcionar um poderoso apoio multifuncional à decisão na gestão de emergência no comando e controlo. Este projeto de I&D, desenvolvido pela CRITICAL Software, propõe um sistema de gestão de emergência que permitiu a gestão de uma hierarquia de comando, a gestão da informação associada com a ocorrência de diferentes fases e a análise de interoperabilidade e rotas.


WISE

O projeto WISE, desenvolvido pela CRITICAL Software, visou criar uma solução geral capaz de apoiar e gerir diferentes operações do processo, com base em processos de elevada maturidade.


REUSE & ESTIMATION

O projeto Reuse & Estimation, executado pela CRITICAL Software teve como objetivo identificar as estratégias de identidade, definir processos e desenvolver ferramentas para reutilização de software eficiente e metodologias de estimativa. Além disso, o projeto incidiu na construção do conhecimento e reutilização e estimativa de software, através da investigação e desenvolvimento experimental, para criar novos processos e sistemas, melhorando as atividades de desenvolvimento de software, design e planeamento da CRITICAL software.


CRITICAL STEP

O projeto CRITICAL STEP (Tecnologia da CRITICAL Software para uma Parceria Evolucionária) teve como objetivo estabelecer as bases para uma colaboração estratégica de investigação de longo prazo entre os parceiros envolvidos no projeto. Os parceiros sentiram que precisavam de partilhar os seus conhecimentos e de usarem sinergias existentes para elaborar bases estratégicas de longo prazo para lidar com a complexidade da próxima geração de SCSs, resistir à concorrência no mercado e vencer o desafio de desenvolver novas tecnologias e padrões de segurança. Os parceiros deste projeto foram o Laboratório CINI/UoN ITEM "Carlo Savy" do Consórcio CINI, da Universidade de Nápoles (Itália), a CRITICAL Software (Portugal), a Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (Portugal) e o SESM S.c.a.r.l. (Itália).

Para saber mais sobre o projeto, aceda a: http://www.critical-step.eu/


CRQNOS

O CRQNOS foi um projeto financiado pelo QREN no âmbito dos Fatores de Competitividade do Programa Operacional, contratado com o IAPMEI através da Concessão de Incentivos Financeiros.

O objetivo principal foi o desenvolvimento de uma unidade exclusivamente focada na definição das melhores práticas em gestão de projetos e garantindo altos níveis de customização.